A curiosa origem do dólar americano

origem-do-dolar-americano
5/5 - (12 votes)

O dólar americano é uma das moedas mais importantes do mundo. Mas você conhece a verdadeira história da moeda estrangeira? Descubra a verdadeira origem do dólar americano.

A origem do dólar americano

Ao contrário das suposições gerais, o dólar americano existia mesmo antes de os Estados Unidos se tornarem um país independente, unificado e a potência que é nos dias de hoje.

Antes da emissão da Declaração de Independência, o Congresso Continental, primeira gestão governamental do país, autorizou o governo a emitir dólares e moedas como um concurso amplamente aceito entre as 13 colônias britânicas.

Atualmente, sua hegemonia é inegável, pois é utilizado pelos bancos centrais de diversos países para a adoção de reservas internacionais e servir de referência para qualquer negócio em escala global.

O próprio termo “dólar americano” é atribuído à moeda espanhola da época, em particular à moeda Real de a Ocho, (também conhecida como dólar espanhol, peso de ocho ou peso fuerte) e ao uso do dólar americano com seu equivalente espanhol, essas moedas eram aceitas como legais até 1857, durante a época colonial.

Na verdade, o dólar não era o único sistema monetário que disputava o uso generalizado na América colonial. Na colônia neerlandesa Nova Holanda (atual Nova York), por exemplo, o dólar-leão era a moeda escolhida.

No entanto, o dólar americano começou a se destacar após uma resolução do Congresso em 8 de agosto de 1786.

A imagem do presidente na nota de dólar americano

imagem-presidente-dolar-americano
Imagem presidente no dólar americano

Curiosamente, a prática de colocar os presidentes na frente das notas de dólares dos Estados Unidos é uma tradição bastante moderna, começando apenas no início dos anos 1900.

George Washington, o presidente mais prontamente identificado com o dólar, zombou da ideia de usar seu rosto com dinheiro.

Para Washington, a própria noção caiu na tradição monárquica europeia. Quanto ao sinal de dólar onipresente ($), várias teorias foram propostas para explicar seu surgimento.

Rand, por exemplo, afirmou que o sinal de dólar representava “U” e “S” sobrepostos, embora essa teoria seja questionável porque o sinal de dólar é anterior à formação dos Estados Unidos como uma nação independente.

O dólar é uma moeda independente

dolar-americano
Dólar americano

Os dólares que todos usamos hoje operam independentemente dos preços do ouro ou de quaisquer metais preciosos de valor intrínseco. Isso é conhecido como “moeda fiduciária” – ou seja, o valor do dólar é apenas o que nós atribuímos coletivamente a ele.

Na medida em que valorizamos, aceitamos e buscamos dólares como compensação, eles têm e continuarão a ter valor. A transformação do dólar dos Estados Unidos em uma moeda fiduciária começou no ano de 1963, quando as palavras “pagar ao portador sob demanda” foram deixadas fora de todas as notas recém-impressas do Federal Reserve.

Os detentores da moeda anterior a 1963 ainda poderiam trocar as notas por ouro até 1968, quando o resgate foi descontinuado.

O valor “real” da moeda dos Estados Unidos começa e termina com o valor do papel em que está impresso.

Países que usam dólar americano

Apesar de ser uma moeda fiduciária, o dólar dos Estados Unidos serve como uma espécie de parâmetro para a saúde do sistema financeiro mundial.

Hoje, países inteiros (como o Panamá, Porto Rico, Timor-Leste, Equador, Ilhas Virgens Britânicas, Bonaire, Zimbábue e El Salvador) colocam sua moeda no dólar, assim como os Estados Unidos já colocaram o dólar em ouro – outros vão tão longe quanto usar dólares em vez de – ou ao lado – suas próprias moedas.

É evidente que, o fato de que o dólar não ser apoiado por nada além de “a fé plena e o crédito do governo dos Estados Unidos” é bastante convincente para nossos cidadãos e para o resto do mundo.

Se a fé no dólar resistirá a uma despesa de dívida sem precedentes e a uma economia mundial instável, no entanto, é uma questão ainda a ser respondida.

E você, já sabia da origem do dólar americano? Já pegou uma nota de dólar na mão? Tem alguma história interessante sobre a moeda? Conte pra gente nos comentários, queremos saber! Nos vemos na próxima matéria, até lá!

Fonte: Lista de Curiosidades