29 curiosidades sobre a lua que você não sabia

lua

Descubra 29 curiosidades sobre a Lua que provavelmente você não conhecia. Desde o início dos tempos, o único satélite natural da Terra encantou e inspirou artistas, astrônomos e cientistas. Saiba mais!

Conteúdo do Post mostrar

Curiosidades sobre a Lua são intrigantes

Ela tem um forte simbolismo na cultura popular e influencia diretamente as marés dos oceanos da Terra. Qual é o seu tamanho comparado a outros astros, e por que sua composição é tão difícil de explicar? Conheça mais sobre o astro que ilumina nossos céus depois que o Sol se põe!

tamanho da lua
Imagem de satélite da NASA revela o lado oculto da lua enquanto cruza entre a espaçonave DSCOVR e a Terra. Imagem: NASA

Em dias de céu aberto ou por cima das nuvens carregadas de raios e trovões, ela sempre está lá nos iluminando. Sejam bem vindos aos manuscritos reveladores e intrigantes das fascinantes curiosidades sobre a Lua.

1 – Tamanho da Terra comparado ao da Lua

comparacao-terra-lua
Tamanho da Lua comparado ao do Planeta Terra | Imagem: Ultracurioso

Não tem como falarmos de curiosidades sobre a Lua sem citarmos esse fato.

Para se ter uma ideia melhor do tamanho do astro relacionado ao do nosso Planeta, a comparação é válida. Se a Terra tivesse a dimensão de uma bola de basquete, a Lua teria o tamanho de uma bola de tênis.

Seguindo essa escala, a distância entre os astros seria de 23 pés e 9 polegadas.

Descubra também: A segunda lua da Terra que muitos desconhecem

2 – A Lua está cerca de 30 “Terras” de distância da Terra

distancia-entre-lua-e-terra

A verdade é que a Lua está muito mais distante da Terra do que você pode imaginar. A distância entre a Lua e a Terra oscila, uma vez que a Lua não orbita em um círculo perfeito.

Contudo, a distância média entre o centro da Terra e o centro da Lua é de 384.400 quilômetros, sendo a distância mais próxima 363.300 km e a distância mais longa 405.500 km. Ou seja, a Lua pode estar entre 28 e 32 Terras de distância de nós a qualquer momento.

3 – O efeito nas marés está diminuindo a rotação da Terra

lua-e-oceano

Os efeitos da gravidade da Lua exerce uma atração sobre a Terra que é parcialmente responsável pelos movimentos das marés oceânicas.

Foi o físico George Darwin (filho de Charles Darwin) que descobriu que os efeitos gravitacionais da Lua, que puxa a água do oceano está diminuindo gradativamente a rotação da Terra. A cada século, nosso dia fica 0,002 segundos mais longo, onde soma bilhões de anos.

Outras interessantes curiosidades sobre a Lua incluem conclusões do físico de que a lua acabará em espiral para fora, orbitará mais lentamente e criará um mês mais longo.

4 – A Lua cheia pode ter vários nomes diferentes

lobo-uivando
Lobo uivando na Lua Cheia | Imagem: Ultracurioso

Nas culturas britânica e norte-americana, a Lua cheia possui nomes diferentes dependendo da estação do ano que ela aparece. Por exemplo, em janeiro o evento é nomeado de “lua do lobo”, por causa dos lobos famintos que uivam no ápice do inverno.

Em setembro, a Lua cheia é nomeada de “lua da colheita” e em junho, “lua do morango”, já em dezembro é batizada de “lua fria”.

5 – Ganhamos uma “superlua” algumas vezes no ano

super-lua
Super-lua

O fenômeno se dá devido a rotação da Lua não ser perfeitamente circular. Quando a lua cheia acontece ao mesmo tempo em que o astro está em seu ponto mais próximo da Terra, temos uma superlua. Embora seja difícil de diferenciar a olho nu, ela parece 14% maior e 30% mais brilhante do que quando mais distante.

6 – A Lua pode ter sido parte da Terra

formacao-da-lua
O grande impacto teria formado a Lua | Imagem: Dana Berry/SwRI

Provavelmente, A Lua se formou há 4,5 bilhões de anos atrás, e algumas teorias tentam explicar como ela se formou. A hipótese mais aceita pela NASA é que ela seja fruto de uma sinestia, e que tenha se formado quando um objeto do tamanho de Marte se chocou com a Terra.

Como resultado, os destroços do acidente ficaram orbitando a Terra, tendo eventualmente se aglutinado e criado a Lua.

7 – A sobrevivência do homem na lua é difícil

Essa é uma das curiosidades sobre a Lua que muitos vão odiar. As dificuldades para os terráqueos se estabelecerem lá de forma permanente incluem uma atmosfera extremamente fina e a falta de água líquida.

homem-na-lua
Homem na Lua | Imagem: NASA

No entanto, pesquisas recentes encontraram, pela primeira vez, evidências de gelo de água na superfície lunar. Essa é uma ótima notícia para os apaixonados pela Lua.

“Com gelo suficiente depositado na superfície – dentro dos poucos milímetros superiores – a água possivelmente seria acessível como um recurso para futuras expedições para explorar e até mesmo permanecer na lua, e potencialmente mais fácil de acessar do que a água detectada abaixo da superfície da lua,” Funcionários da NASA disseram em um comunicado sobre a descoberta.

8 – Outros fatores impedem a sobrevivência na Lua

Apesar das novas descobertas de gelo de água na lua, o clima não é habitável.

lua-nao-e-habitavel
Imagem: NASA

Um desses fatores é a poeira, conhecida como regolito, que é uma substância parecida com talco que pode danificar gravemente os equipamentos. Esse foi um dos problemas enfrentados nas missões Apollo, como relata a astronauta aposentada da NASA Peggy Whitson.

Além disso, a variação absurda de temperatura é outra barreira. Como sabemos, a lua demora 27 dias terrestres para girar em seu eixo, sendo 13 dias e meio de dia e a mesma quantidade de noite. Quando iluminada pelo Sol, sua temperatura pode chegar à 115°C, e a noite à -143°C.

9 – A Lua tem lunamotos, semelhantes aos terremotos

apollo-lunamotos
Entre 1969 e 1972, astronautas da Apollo colocaram sismômetros em seus locais de pouso para testar a atividade sísmica. Imagem: NASA

Foi descoberto em 2006, usando dados da década de 1970 que a lua é sismicamente ativa. De acordo com a NASA, existem ao menos quatro tipos de terremotos lunares, sendo eles:

  • Profundos, a cerca de 700km abaixo da superfície, que provavelmente seriam causados pelas marés;
  • Vibrações devido a impactos de meteoritos;
  • Térmicos, causados pela expansão da crosta gelada quando o Sol ilumina pela primeira vez depois de duas semanas de congelamento noturno lunar.
  • Superficiais, que acontecem apenas 20 a 30 quilômetros abaixo da superfície.

O que dizem os dados coletatos?

Segundo os dados coletados, os três primeiros geralmente eram leves e inofensivos. Os superficiais, por outro lado, merecem atenção. Em 5 anos (1972-1977) a rede sísmica Apollo constatou vinte e oito deles; alguns “registrados até 5,5 na escala Richter”, diz Neal. Um terremoto de magnitude 5 na Terra é energético o suficiente para mover móveis pesados.

Outro detalhe que chama atenção é o tempo desses lunamotos superficiais, que podem durar até 10 minutos, enquanto na Terra a água impede que os terremotos ultrapassem mais do que alguns minutos.

10 – A nossa Lua é uma das maiores do Sistema Solar

tamanho-da-lua

Colocada como a 5ª maior do sistema solar, a dimensão da Lua da Terra é considerada grande se comparada com as de outros planetas.

Das mais de 150 luas orbitando os planetas, a maior é a Ganimedes, uma das 79 luas de Júpiter.

11 – Teorias da conspiração sugerem que os humanos nunca pisaram na Lua

Neil Armstrong | Imagem: NASA via Getty imagens

Foi em 20 de julho de 1969, quando Neil Armstrong estava em solo lunar e pronunciou a famosa frase: “é um pequeno passo para um homem, um salto gigante para a humanidade”.

Entretanto, muitas teorias da conspiração sugerem que não, que tudo não passou de uma grande armação e Armstrong sempre foi questionado sobre a veracidade do acontecimento, se passando de mentiroso.

Em uma dessas indagações, 42 anos após o lançamento da Apollo 11 ele disse: “As pessoas adoram hipótese de conspiração, porque elas são muito atraentes”. Você já sabia dessas curiosidades sobre a Lua ou já ouviu falar sobre teorias da conspiração envolvendo o satélite?

12 – A superfície lunar está repleta de objetos feitos pelo homem.

Quem pensa que os astronautas deixaram somente uma bandeira americana na Lua está enganado. Junto com a bandeira do marco histórico, eles deixaram aproximadamente mais de 100 itens artificiais.

foto-na-lua
Fotografia da família do astronauta Charles Duke da Apollo 16 | Imagem: NASA

Os astronautas inicialmente deixaram um patch da missão Apollo 1 (que não foi lançada devido ter se queimado durante um treinamento, matando os três astronautas da missão) e uma placa escrito: “Aqui, os homens do planeta Terra pisaram pela primeira vez na Lua. Julho de 1969 DC Viemos em paz Para toda a humanidade.”

Qual a quantidade de lixo deixado na Lua?

Desde então, como relatado pelo The Atlantic, foram descartados cerca de 181.5 toneladas de lixo na Lua, que parcialmente incluem mais de 70 naves espaciais (incluindo rovers, módulos de pouso e orbitadores acidentados), 5 bandeiras americanas, 2 bolas de golfe, 12 pares de botas, câmeras de TV, revistas de cinema, 96 bolsas de urina, fezes e vômito.

A lista continua, inúmeras câmeras Hasselbad e acessórios, vários dardos improvisados, vários martelos, pinças, ancinhos e pás, mochilas, cobertores isolantes, toalhas utilitárias, lenços umedecidos usados, kits de higiene pessoal, pacotes vazios de comida espacial, uma fotografia da família do astronauta Charles Duke da Apollo 16.

memorial-do-astronauta
Memorial do Astronauta Tombado, homenagem aos astronautas que perderam suas vidas na corrida espacial | Imagem: NASA

E mais, uma pena de Baggin, o falcão mascote da Academia da Força Aérea (usada no famoso experimento de “queda de pena de martelo” da Apollo 15), uma pequena escultura de alumínio em homenagem aos astronautas caídos americanos e soviéticos que morreram na corrida espacial, deixada pela Apollo 15.

Também deixamos por lá um disco de silício com mensagens de boas vindas de 73 líderes mundiais, um alfinete de prata, uma medalha de homenagem aos cosmonautas soviéticos Vladimir Komarov e Yuri Gagarin, um ramo de oliveira em ferro fundido.

13 – Os astronautas trouxeram 382,32kg de material lunar

Até então, 382,32 kg de material lunar foram tragos à Terra nas missões Apollo (382 kg) e Luna (326 g). As porções auxiliam os cientistas em seus estudos afim de compreendermos melhor a estrutura do nosso satélite natural.

astronautas-voltando-da-lua
Astronautas das missões lunares retornando para casa | Imagem: NASA

A NASA relatou que, entre 1969 e 1972, 2.200 amostras separadas de “rochas lunares, amostras de núcleo, seixos, areia e poeira” da Lua foram trazidas para serem estudadas na Terra. As amostras chegaram divididas em seis voos, e são de seis locais diferentes da superfície lunar.

14 – Os americanos não são donos da Lua

Mesmo que tenham chegado primeiro a superfície lunar, eles não possuem nenhum território lá.

astronautas-antes-da-missao-lunar
Neil Armstrong, acenando na frente, se dirige à van que levará a tripulação ao foguete para o lançamento à Lua em 16 de julho de 1969. | Imagem: NASA

Essa é outra das curiosidades sobre a Lua interessantes. Isso por que foi criado, na década de 1960, o Instituto Internacional de Direito Espacial, a fim das nações cooperarem e elaborarem leis espaciais internacionais. Contudo, em outubro de 1967 entrou em vigor o Tratado do Espaço Exterior, que proíbe uma única nação de possuir planetas, estrelas ou outros objetos espaciais. O tratado inclui também que toda exploração no espaço deve ser feita para fins pacíficos.

15 – Haverá 228 eclipses lunares no século 21

eclipse-lunar

Entre os anos de 2001 à 2100, haverá 85 eclipses totais e esses fenômenos já foram calculados pela NASA.

16 – O diâmetro da lua se compara ao tamanho de largura da China

tamanho-china

Para ter uma noção melhor do diâmetro da lua, considere a largura da China.

A Lua tem 2.159 milhas (3.476 quilômetros) de diâmetro, enquanto a China tem 2.193 milhas (3.530 quilômetros) de largura.

17 – A China foi a primeira a pousar no lado oculto da Lua

Em janeiro de 2019, a China pousou na bacia Pólo Sul-Aitken que fica no lado oculto da Lua. Na ocasião, a missão Chang’e 4 colocou um módulo de pouso e um rover (astromóvel) para explorar a superfície lunar.

change-4
Missão da sonda Chang’e-4 em 11 de janeiro de 2019 | Imagem: Programa de Exploração Lunar Chinês/Twitter

Lançada em 8 de dezembro, a missão foi coordenada pela China National Space Administration e alguns objetivos são aprender sobre geologia lunar, procurar água gelada, escanear o céu noturno em busca de explosões de rádio e experimentar o crescimento de bichos-de-seda na Lua.

18 – As manchas escuras são chamadas de “Maria”

maria-lua
As intrigantes manchas escuras na Lua | Imagem: NASA

Formadas por erupções vulcânicas, as manchas escuras na Lua já foram poços de lava que se solidificaram formando o basalto, um sal de cor escura.

O nome “Maria” significa “mares” em latim, já que antigamente os astrônomos pensavam que os esses buracos eram corpos d’água.

19 – Uma réplica gigante da Lua viaja o mundo

replica-da-lua

A réplica gigante da lua mede 7 metros de diâmetro, é uma obra do artista britânico Luke Jerram e será apresentada de várias maneiras diferentes, tanto em ambientes internos quanto externos.

O Museu da Lua é uma obra de arte em turnê que viaja o mundo, e a obra apresenta imagens da Lunar Reconnaissance Orbiter Camera da NASA de 120 dpi da superfície lunar. Sua escala é aproximada de 1:500.000, onde cada centímetro da escultura esférica iluminada equivale a 5km da superfície da Lua.

20 – A China enviou animais e sementes para a Lua

A iniciativa foi da missão Chang’e 4 e faz parte do ambicioso projeto espacial chinês de estudar o comportamento de plantas e animais em superfície lunar.

planta-na-lua
Primeira semente germinada na Lua | Imagem: Chongqing University/AFP

O experimento foi dentro de uma pequena “lata” no módulo de pouso contém sementes de batata, agrião (Arabidopsis thaliana), e ovos de bicho-da-seda.

A ideia é que as plantas alimentem os bichos de seda com oxigênio, que por sua vez fornecem dióxido de carbono e nutrientes necessários (através dos seus resíduos) às plantas.

Pesquisadores querem descobrir se as plantas realizam a fotossíntese com sucesso e se crescem e florescem no ambiente lunar.

Contudo, como já era de se esperar, as sementes germinadas de algodão não resistiram às baixas temperaturas lunares durante o período da noite, e morreram após oito dias. A germinação foi considerada um marco na exploração espacial.

21 – O lado oculto da lua não passa de um mito

lado-oculto-da-lua
Lado oculto da Lua capturado pela Apollo 16

Muitas pessoas falam dos mistérios do lado oculto da Lua (também chamado de lado escuro da Lua e lado negro da Lua). Entretanto não passa de um mito.

Na verdade, ambos os lados do astro têm dia e noite, no entanto, da Terra só é possível visualizar um dos lados. Isso ocorre devido a Lua girar em torno do seu próprio eixo, no mesmo tempo em que leva para orbitar a Terra. Contudo, o lado voltado para a Terra é sempre o mesmo, ao contrário do lado oposto, que só pode ser visto pelo olho humano de uma espaçonave.

22 – A Lua está se afastando da Terra

Segundo os astrônomos, a cada ano a Lua se afasta cerca 3,8cm do Planeta Azul. É estimado que continue assim por cerca de 50 bilhões de anos. Quando chegar lá, a Lua levará aproximadamente 47 dias para orbitar o nosso Planeta, movimento que nos dias atuais leva 27,3 dias.

lua-distancia

23 – Um objeto pesa muito menos na Lua

Devido sua massa ser menor, a gravidade da Lua é muito mais fraca do que a da Terra. Como resultado, estando lá você pesaria cerca de um sexto (16,5%) do seu peso terrestre. É por esse motivo que os astronautas lunares podem saltar tão alto no ar.

24 – A Lua só foi pisada por 12 pessoas

pegada-na-lua
Pegada de Neil Armstrong, o primeiro homem que pisou na Lua | Imagem: NASA

O primeiro homem a pisar na Lua foi Neil Armstrong em 1969 durante a missão Apollo 11 e o último a andar por lá foi Gene Cernan em 1972 durante a missão Apollo 17.

Todos que estiveram lá são americanos. De lá para cá, a Lua só foi visitada por veículos não tripulados.

25 – A Lua não tem atmosfera

Como vimos anteriormente em outras curiosidades sobre a Lua, esse é um dos obstáculos para o homem morar lá. O fato do astro não ter atmosfera significa que a sua superfície está desprotegida de raios cósmicos, meteoritos e ventos solares e tem grandes variações de temperatura.

A falta de atmosfera também significa que nenhum som pode ser ouvido na Lua, e o céu, sem filtros, sempre se apresenta preto. Portanto, todos os bombardeios sofridos por ela ficam marcados na sua superfície.

26 – A primeira espaçonave a chegar à Lua foi Luna, em 1959

luna-1
Luna 1 | Imagem: Editada da original da NASA

Luna 1 era uma sonda soviética e foi lançada da URSS. Devido a um erro no seu sistema de controle que atrasou o tempo de ignição do foguete, ela acabou errando o alvo da Lua, passando a 5.995km da superfície lunar antes de entrar em órbita ao redor do Sol, entre as órbitas da Terra e de Marte.

Luna entrou para a história como a primeira espaçonave a chegar perto da Lua com sucesso, o que rendeu ainda muitas fotografias.

27 – Os Estados Unidos já cogitou detonar uma bomba nuclear na Lua

Foi durante a década de 1950, no auge da Guerra Fria. O projeto ultrassecreto era conhecido como “Um Estudo de Voos de Pesquisa Lunar” ou “Projeto A119” e seria uma demonstração de força em um momento em que a nação estava ficando para trás na corrida espacial.

bomba-nuclear-na-lua
Ilustração de como seria o Projeto A119

Felizmente, o plano jamais foi colocado em prática e os documentos seguem secretos por cerca de 45 anos. Mesmo tendo sido revelado no início da década de 2000, o governo dos Estados Unidos nunca reconheceu oficialmente seu envolvimento no estudo. Possivelmente devido ao medo da reação negativa da opinião pública mundial.

28 – A Lua redonda que só existe na sua cabeça

formato-da-lua

O formato Lua não é redonda ou esférica. De acordo com o site Lunar Reconnaissance Orbiter da NASA, ela tem a forma de um ovo. Quando você vê a Lua redonda no céu, saiba que uma das pontas está apontada para você. Além disso, o centro de massa da Lua fica a cerca de 2 quilômetros do centro geométrico do satélite. Isso sim é algo Ultracurioso!

29 – Os astronautas nunca encontraram queijo na Lua

lua-queijo
Imagem: Ultracurioso

Agora que você já conhece diversas curiosidades sobre a Lua, pode aproveitar para navegar no nosso mundo de descobertas! Até o próximo post!

Fontes: Business Insider, Space-facts, G1, Wikipedia.